segunda-feira, março 22, 2010

GORO DA TENTATIVA DE HUMILHAÇÃO

.........(clicar s/ a imagem para a ampliar)

......Ninguém, honesto e com um mínimo de dignidade, pode deixar de compreender a recusa de Sócrates em se submeter a mais esta ignominiosa afronta da sua personalidade.
......Para quê sujeitar-se a uma inquisição vexatória, cujo veredicto, por demais sabido, resultaria de injúrias, previamente planeadas, lançadas por línguas bífidas, mestralmente orquestradas por inquisidores mores, naquele sagrado tribunal do santo ofício.
.......Não desistem, os dragões do inferno, de tentarem contra a sua couraça de coragem que, acreditam os cidadãos honestos deste país, resisterá até que as malditas chamas de Hades ou Plutão, de vez ,se extingam.
......Haja um mínimo de dignidade, porra ! Como diria o meu amigo alentejano.

......que uisiçã

1 comentário:

rouxinol de Bernardim disse...

Mesmo que se prove que Sócrates mentiu (sabia informalmente do negócio...), mesmo que tenha dado ordens (informalmente a algum homem de mão...), qual a conclusão a tirar de tudo isto?!

Um despesismo megalómano, um protagonismo de alguns que sem isto não seriam ouvidos, uma tolice pegada...

E Jardim, na Madeira, com o Jornal da Madeira?

E os «jardins» por esse país fora a controlarem jornais a seu bel prazer?

O país está a pedir a IVD (Interrupção Voluntária da Democracia...) se não enveredar por um caminho mais pragmático.